fbpx

Chocolate e saúde

Esse é um assunto que deixa as pessoas muito na dúvida, pois ao mesmo tempo em que aparecem várias notícias de pesquisas sobre os benefícios do chocolate, os nutricionistas alertam que é preciso consumi-lo com moderação. E eles tem razão por um motivo muito simples: chocolates podem variar imensamente nas suas composições, podendo ter ingredientes interessantes ou não para a saúde.

Chocolate é feito de cacau, que é considerado um superalimento por conter vários nutrientes importantes para o ser humano. As pesquisas são feitas baseadas nessas propriedades.

Os grãos de cacau, que é a parte da fruta usada para fazer a massa de cacau e depois o chocolate, contém flavonóides (que são anti-oxidantes), potássio, fósforo, magnésio, cálcio, ferro, zinco e triptofano (que ajuda na sensação de bem-estar). Esse é o lado bom.

Acontece que os grãos contêm também uma gordura, que é a manteiga de cacau, que está presente em alta quantidade. É como o amendoim, que é gorduroso. Esse lado já não é tão bom, pelo menos em termos nutricionais, por ser uma gordura. Como é a manteiga de cacau que dá o derretimento e ajuda na textura e em espalhar o sabor do chocolate dá na boca, ela tem participação importante no prazer que ele nos traz. Então se você quer um chocolate gostoso, não dá para dispensá-la.

A manteiga de cacau sempre está presente na massa de cacau (também chamada de pasta ou liquor de cacau). O chocolate pode ainda ter uma quantidade a mais de manteiga de cacau, adicionada pelo fabricante para alcançar o resultado desejado. Geralmente é bem pouco. Quando isso acontece, ela aparece na lista de ingredientes. Então, mesmo nos chocolates que não tem manteiga de cacau na lista de ingredientes, ela está lá, dentro da massa de cacau.

Além disso, chocolate é feito da mistura de cacau com outros ingredientes, que podem estar presentes em quantidades maiores ou menores que a dele. Se um chocolate, por exemplo, tem pouco cacau e os outros ingredientes são pobres em nutrientes, como ele vai trazer benefícios?

Para saber qual ingrediente está presente em maior quantidade, leia a lista de ingredientes na embalagem. A lista de ingredientes de qualquer alimento é sempre escrita em ordem decrescente de quantidade, portanto o primeiro ingrediente é o que tem mais. A dica é escolher chocolates que tenham massa de cacau no começo da lista e evitar os que começam com o açúcar.

Outra dica é evitar chocolates com outras gorduras diferentes da manteiga de cacau (gordura vegetal hidrogenada por exemplo) ou com ingredientes artificiais, que não trazem nenhum benefício, nem em termos nutricionais nem de sabor.

Repare que os chocolates com mais cacau vão ser os tabletes, já que os bombons são apenas recobertos de chocolate, então a quantidade de cacau no bombom todo vai ser bem pequena.

Enfim, chocolates podem perfeitamente fazer parte de uma dieta saudável, desde que você escolha aqueles que tem bons ingredientes e os consuma com moderação.

Texto e fotos Zelia Frangioni, do Chocólatras Online, em 01/2020.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat